Adolescentes suspeitos de roubo são amarrados com corda e agredidos por população.

Eles são suspeitos de invadirem uma das casas do condomínio para furtar, na noite de terça-feira (19).

Foto: Reprodução/Npdiario

Dois adolescentes, de 15 e 17 anos, foram amarrados e agredidos por moradores de Carlópolis, norte do Paraná. Eles são suspeitos de invadirem uma das casas do condomínio para furtar, na noite de terça-feira (19). Os vizinhos teriam percebido a situação e segurados os dois, por conta própria. Conforme o boletim da Polícia Militar (PM), a equipe recebeu denúncia de um dos moradores que ouviu disparos de arma de fogo. Ao chegar no endereço, encontraram os dois adolescentes com mãos e tornozelos amarrados com cordas, no gramado do condomínio Ilha Bela. Os menores também estavam sem camisa e com diversos ferimentos.

Os vizinhos contaram que perceberam a movimentação no imóvel e foram até o local, que é um sobrado. Quando os suspeitos perceberam que foram flagrados, pularam de uma altura de aproximadamente 10 metros. Entretanto, ficaram feridos com a queda e foram capturados pelos populares. Os dois adolescentes não foram baleados, mas tinham ferimentos produzidos por arma de fogo, além de suspeitas de fraturas. Eles confessaram terem ido ao local com dois comparsas, que não foram localizados. A arma não foi encontrada.

Uma ambulância buscou os suspeitos e os levou ao Hospital São José, para, em seguida, prestarem esclarecimentos aos oficiais. Os moradores presentes foram qualificados no boletim de ocorrência por lesão corporal.

A PM ressalta que os dois adolescentes já são conhecidos por praticarem diversos crimes na cidade. Eles já teriam furtado outra residência do condomínio em datas passadas.

Da redação com informações do Ricmais

Comentários